Franquias

Voltar
  • Oportunidade de negócios

    Ao falarmos de tendências que afetarão o mundo empresarial nos próximos anos e  apontar oportunidades atrativas para os futuros empreendedores nós não poderíamos deixar de mencionar as franquias, que vêm apresentando uma linha de crescimento ascendente há anos e envolve uma infinidade de negócios promissores.

    • Franquias em cidades de médio porte (processo de interiorização)
      As franquias cada vez mais têm levado suas marcas para o interior. Custos mais baixos com locação, mão de obra e divulgação são algumas das razões. Se você mora ou deseja se instalar em uma cidade com mais de 30 mil habitantes, pode ser uma boa opção de investimento.
      Entretanto, antes de investir, saiba que nem toda franquia pode ser instalada em cidades menores. Alguns negócios não apresentam viabilidade em cidades com menos de 100 mil habitantes. Os franqueadores avaliam informações como as características demográficas, tamanho da população, o PIB da região, a população economicamente ativa, fatores socioeconômicos da cidade etc.
    • Microfranquias
      As microfranquias são uma opção para quem tem menos capital (até R$ 80 mil), mas tem o desejo de se tornar empreendedor dessa modalidade de negócios. Elas foram criadas especialmente para investidores de pequeno porte. Na prática e de acordo com a legislação, a microfranquia é igual às outras, com direitos e deveres por parte do franqueado e da franqueadora. A diferença é o investimento menor, a baixa complexidade do negócio e os custos operacionais mais enxutos.
      A maior parte das microfranquias está nos setores de comércio e serviços. São empresas de jardinagem, reformas, tratadores de animais, manutenção de computadores, conserto de roupas e criação de sites, entre outros. Muitos desses negócios não necessitam de ponto, sendo possível administrar o negócio até de casa.
      O empreendedor, no entanto, deve entender a necessidade de maior empenho de sua parte para garantir o sucesso do negócio. Ele mesmo será responsável pessoalmente pela entrega do serviço ao cliente.
    • Outras oportunidades
      O universo das franquias vai muito além das opções sugeridas por nós. Investigue, conheça os detalhes do negócio, faça uma autoanálise do seu perfil para entender quais as melhores opções para você.
    • 1Segurança e apoio oferecidos pelo Franqueador
      A garantia de possuir um negócio testado e aprovado, com uma marca já conhecida pelo consumidor e que, portanto, exige um menor esforço de marketing e comunicação é um dos grandes atrativos das franquias. Além disso, as franquias oferecem apoio e orientação e grande parte dos empreendedores tem dificuldades na gestão de negócios.
    • 2Aumento da urbanização
      Apesar de ser considerado por muitos um estado rural, Goiás é o 4º Estado brasileiro no ranking de urbanização, perdendo somente para São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília (Instituto Mauro Borges, 2012). A urbanização e o consequente crescimento do número de habitantes nas cidades geram novas necessidades, levando a uma reação em cadeia em que diversos negócios são beneficiados. Esta realidade promove um ambiente propício à instalação de franquias.
    • 3Crescimento das médias cidades
      Incentivos fiscais, custos de operação mais baixos, entre outros fatores, têm levado novos polos de desenvolvimento para o interior por meio de novos negócios que movimentam a economia local. O chamado processo de interiorização do desenvolvimento é uma realidade e impulsiona o crescimento das médias cidades. Essas cidades antes eram ignoradas pelas franquias, mas, hoje tem se tornado pontos de expansão de marcas. Adaptações têm sido feitas nos modelos de negócios e mais franquias têm sido instaladas em cidades com menor número de habitantes. Além disso, a chegada de shoppings em cidades do interior contribui para manter a boa perspectiva de crescimento. Nem todo negócio cabe em uma cidade menor, mas cada vez mais franquias estão sendo instaladas em cidades com mais de 30 mil habitantes.
    • 4Aumento do poder de consumo das classes de baixa renda
      O aumento da renda e o acesso ao crédito fazem com que haja o ingresso de novos consumidores das classes C, D e E à economia de mercado e o consequente aumento de consumo de produtos e serviços, contribuindo para o crescimento do setor.
    • 5Baixa taxa de mortalidade das Franquias
      Enquanto 24% de novos negócios fecham as portas nos dois primeiros anos de vida, estima-se que apenas 3% das franquias vão à falência tão precocemente.
    • 6Diversificação das opções de franquias
      Novas opções de formatos de franquias impulsionam o mercado. Uma dessas opções é a microfranquia, que demanda um investimento inicial mais baixo de até 80 mil e, além disso, a complexidade do negócio é mais baixa e os custos operacionais mais enxutos.
    • 7Resultados positivos e expressivos nos últimos anos
      O setor de franquias é um dos que mais cresce no território nacional e apresenta bons resultados também em Goiás. Pesquisa realizada pela BMT Negócios e Franquias estima que Goiás tenha faturado, em 2012, R$ 2.789 bilhões, gerando cerca de 25 mil empregos diretos.
      No Brasil, segundo a ABF, em 2013, o setor da franchising atingiu o faturamento de R$ 155 bilhões, um crescimento de 11,9% em relação a 2012. O número de redes aumentou 11,4% no ano passado e chegou a 2.703 – a expansão foi maior do que a prevista, que era de 8% a 9%. O resultado positivo foi impulsionado pelas microfranquias. As microfranquias cresceram 31% em faturamento e 29% em unidades em 2013.
    • 8Previsão de crescimento do setor
      Em 2014, é esperada a abertura de mais de 115 empresas fraqueadas em Goiás. O crescimento estimado é de 40% com relação a 2013.
      Nacionalmente, para 2014, a previsão é de 10% de crescimento no faturamento, 9% em número de unidades e 8% em novas marcas. Os números refletem a cautela devido às incertezas quanto ao varejo, pois 2014 é um ano com muitos feriados, Copa e eleições (ABF).
  • Você Sabia?
    Se você está interessado em investir em uma franquia saiba que elas são obrigadas a fornecer um documento chamado circular de oferta de franquia (cof), que deve incluir todas as informações sobre a empresa, como balanços financeiros, pendências judiciais (se houverem), direitos e deveres de ambas as partes, além da relação completa de todos os franqueados da rede, inclusive o nome e telefone daqueles que se desligaram da rede no último ano.
    Todas essas informações devem ser analisadas com cuidado antes de você se comprometer. Contate proprietários e ex-proprietários da marca, busque relatos de suas experiências e suas dificuldades. Analise também seus diferenciais competitivos com relação aos dos concorrentes. Além disso, seria interessante observar a operação de um franqueado no seu dia a dia, para avaliar se está em condições de gerir o negócio.
    Fica a Dica!
    O empreendedor deve buscar entender a distinção entre o mercado goiano e o de outros Estados. Toda economia tem sua peculiaridade e o consumidor também.
    Apesar de Goiás ter uma localização muito boa do ponto de vista logístico e possuir uma economia forte, não é possível garantir que uma marca vai dar certo no Estado porque ela já está bem estruturada em outras regiões do País. É necessário estudar o território goiano levando em consideração as características do negócio a ser instalado.
    • Apesar de ter um padrão de procedimentos determinados a ser seguido pelo franqueado, uma boa franquia está aberta a sugestões e incentiva os seus franqueados a trazerem novas ideias. Ela proporciona a seus franqueados diversos encontros durante o ano, em que são discutidas as dificuldades e os problemas vivenciados, o que pode resultar em mudanças efetivas para as unidades, gerando uma cultura de inovação muito interessante. São várias cabeças pensando em um só modelo de negócio.
FECHAR
Receba nosso documento em seu e-mail
Informe os dados abaixo e clique no botão “Enviar”.