Seja qual for o seu perfil, o Sebrae Goiás tem informação para você!
Entendendo o Sebrae Voltar

Público-Alvo Sebrae

A partir da subdivisão do universo em segmentos mais homogêneos é possível elaborar produtos e estratégias mais eficazes para cada um desses públicos, de acordo com suas características e interesses. Trabalhando separadamente para cada segmento é possível, ainda, elaborar um modelo de atendimento que leve em conta as heterogeneidades desse universo.


Para o Sebrae, são consideradas empresas os negócios (urbanos ou rurais) que estejam devidamente regularizados perante o poder público, ou seja, que estejam juridicamente aptos a produzir e comercializar seus produtos e serviços. Por conseguinte, aqueles que porventura exerçam uma atividade econômica ainda sem a devida regularização não são considerados como empresas, e sim como potenciais empresários.

A ilustração a seguir esquematiza a segmentação dos públicos atendidos pelo Sebrae.

 

 

Em seguida, apresenta-se a definição de cada um dos segmentos para fins de atendimento da instituição:


Empreendedor Individual

O Empreendedor Individual é o empresário que fatura anualmente até R$ 60.000,00 (sessenta mil reais); é optante pelo Simples Nacional e não tem participação em outra empresa como sócio ou titular; possui no máximo um único empregado que recebe um salário mínimo ou o piso salarial da categoria profissional; e exerce uma das atividades elencadas na Resolução 58/2009, atualizada pela Resolução 78/2010, de acordo com a Lei Complementar 128/2008, alterada pela Lei Complementar 139/2011.


Microempresa

São empresas de origem brasileira, que possuam natureza jurídica compatível com as atividades mercantis², que faturem, anualmente, valor menor ou igual a R$ 360.000,00 (trezentos e sessenta mil reais). O valor teto de faturamento tem como base os valores estipulados para adesão ao Simples Nacional (regime de tributação simplificado), conforme Lei Complementar 123/2006, alterada pela Lei Complementar 139/2011.

² - Sociedade empresária limitada, empresário individual, sociedade empresária em nome coletivo, empresa individual de responsabilidade limitada, sociedade empresária em comandita simples, sociedade empresária em comandita por ações, sociedade simples pura, sociedade simples limitada, sociedade simples em nome coletivo e sociedade simples em comandita simples.
Empresa de Pequeno Porte

São empresas de origem brasileira, que possuam natureza jurídica compatível com as atividades mercantis³, que faturem, anualmente, mais de R$ 360.000,00 (trezentos e sessenta mil reais) e não mais de R$ 3.600.000,00 (três milhões e seiscentos mil reais). O valor teto de faturamento tem como base os valores estipulados para adesão ao Simples Nacional (regime de tributação simplificado), conforme Lei Complementar 123/2006, alterada pela Lei Complementar 139/2011.

³ - Sociedade empresária limitada, empresário individual, sociedade empresária em nome coletivo, empresa individual de responsabilidade limitada, sociedade empresária em comandita simples, sociedade empresária em comandita por ações, sociedade simples pura, sociedade simples limitada, sociedade simples em nome coletivo e sociedade simples em comandita simples.

Vale ressaltar que todas as empresas que se enquadram nos critérios acima são potenciais clientes do Sebrae, inclusive aquelas que não estão inscritas no Simples Nacional.

 

Produtor RuralPara fins de atendimento do Sebrae, são considerados produtores rurais as pessoas físicas que explorem atividades agrícolas e/ou pecuárias, nas quais não sejam alteradas a composição e as características do produto “in natura”, que faturem até R$ 3.600.000,00 (três milhões e seiscentos mil reais) por ano e que possuam inscrição estadual de produtor. Soma-se a esse grupo o dos pescadores com registro no Ministério da Pesca. 

Potencial EmpresárioSão considerados potenciais empresários os indivíduos adultos (com mais de 18 anos), que possuem negócio próprio, mas sem registro no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) ou inscrição estadual (no caso do produtor rural); e os indivíduos adultos que ainda não possuem negócio próprio, mas que estão ativamente envolvidos na sua estruturação. 

Potencial EmpreendedorO Sebrae também desenvolve, em consonância com a sua missão, atividades de fomento ao empreendedorismo, nas quais pode capacitar, orientar ou levar informações a pessoas que ainda não estejam ativamente envolvidas na estruturação de um negócio (potenciais empreendedores), visando despertá-las para o empreendedorismo e desenvolver suas capacidades empreendedoras. 

A participação de médias e grandes empresas nas ações do SebraeO público-alvo do Sebrae está inserido em cadeias produtivas, redes de cooperação e outras formas de relacionamentos de negócios, dos quais também participam e muitas vezes são protagonistas médias e grandes empresas, com importante papel no desenvolvimento dos nossos clientes. Em função disso, é possível a participação dessas empresas em projetos de encadeamento, desde que resulte em benefícios diretos e/ou indiretos ao nosso público-alvo, e que as condições de participação sejam diferenciadas, tendo em vista ser possível subsidiar essas ações para esses públicos.


 

Universo do público Sebrae Goiás (Projeções)

Segmento 2016 2017 2018 2019 2020
Empreendedores Individuais 223.048 242.734 259.607 275.543 290.542
Microempresas 127.504 130.661 133.584 136.250 138.635
Empresa de Pequeno Porte 39.367 41.041 42.593 44.007 45.273
Produtores Rurais * 99.762 --- --- --- ---
Potenciais Empresários 474.589 ---- --- --- ---

Fonte: Sebrae Nacional, a partir de dados da Receita Federal, PNUD 2013 (IBGE).